CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Nº Páginas: 56/60 (incluindo capa), totalmente a cores
Formato: 21x29,7cm
Papel: Capa – Printomat 3D 200g/m2
Miolo: Printomat 3D 115g/m2

Periodicidade: Mensal
Tiragem Média: 3000 exemplares

Propriedade : Ultraprint, Comunicação & Artes Gráficas, Lda.


PÚBLICO-ALVO

Empresas Gráficas
Empresas Fornecedoras
Empresas Informáticas
Agências de Publicidade
Agências de Meios
Agências de Comunicação Bancos de Imagem
Designers
Direcções de Marketing

Agora mais perto de si…

INTERGRÁFICAS|| A REVISTA DA INDÚSTRIA GRÁFICA E DA COMUNICAÇÃO|| DE LISBOA PARA O MUNDO||

Edição 194

E-EDITORIAL

Ainda acha que a impressão está a morrer?

«Hoje é frequente ouvir dizer que a impressão está a morrer, que já ninguém quer imprimir nada, que quem tem empresas dedicadas à área gráfica, bem pode começar a olhar para outros potenciais negócios. Ainda recentemente, enquanto esperava um voo em Frankfurt, já na porta de embarque ouvi dois portugueses, que até tinham estado a visitar uma feira de papel, comentar que a impressão em geral tem os dias contados. Não me meti na conversa mas tive uma vontade enorme de lhes dizer que, se eles próprios que estão dentro do negócio da impressão, não conseguem ver mais longe, nem sequer têm os olhos abertos para a realidade, como esperam alertar os clientes para a total e cada vez mais vasta utilização da impressão?

Quando olhamos para o desenvolvimento das opções impressas, vemos de imediato que a indústria está longe de estar morta. Pelo contrário, a indústria tem novas e emocionantes soluções e oportunidades. E não estou apenas a falar da impressão digital já que, actualmente, tanto o offset, o offset híbrido ou o digital de grande ou pequeno formato são um só, estão cada vez mais juntos e fazem um verdadeiro casamento cúmplice em muitas áreas. E se há área onde as novidades são mais que muitas, o grande formato é uma delas, onde as novas aplicações permitem campanhas de sucesso.

Com toda essa ampla gama de possíveis aplicações qualquer trabalho passa a ter de ser muito bem planeado. É por isso que, se procura ter uma campanha sustentável, é inevitável que a impressão de grande formato esteja lá. Muitos responsáveis de marcas não concebem nenhuma campanha que não passe pela impressão de grandes formatos e nisto a impressão digital é ideal para comunicações sustentáveis. Profissionais de marketing, design e comunicação estão cada vez mais atentos ao que está a ser oferecido pela indústria em termos de tecnologia. Verdade seja dita que as melhores empresas fornecedoras de impressão são aquelas que visitam feiras, eventos, fábricas das marcas, que fazem leitura de informação actualizada…pois só assim conseguem perceber no que devem investir, de forma acertada para responder às exigências dos seus clientes e do mercado em geral.

O tema desta revista é sobre a impressão do grande formato, a área da decoração de interiores que continua a crescer, mas podia ser só sobre o ponto de venda, sobre a sinalética em geral, sobre a multiplicidade de objectos que hoje pedem encarecidamente por uma impressão, e aqui falamos da impressão 3D, sobre a embalagem que continua a registar crescimento, sobre os rótulos e etiquetas, sobre o revestimento de veículos, montras, janelas… O que se pode dizer de tudo isto é que certamente que a impressão não está a morrer.

O que está a morrer são os que continuam a olhar para trás, a acreditar que aquilo que faziam até há pouco tempo é que estava certo. A vida é dinâmica, as relações também, as pessoas entram e saem da nossa vida, os desejos mudam, os gostos dos consumidores alteram-se, o mercado muda e, para estar à frente deste, é preciso estar mesmo muito atento, não se acomodar, não lamentar o presente, mas sim visionar o futuro.

Lopes de Castro, presidente da Apigraf numa recente entrevista à IG, manifestou-se admirado por um jornalista ter escrito que, no Web Summitt o velhinho papel só estava presente nos cartões de visita, porque como disse, “ bastava olhar à volta para ver que o papel estava em todo o lado.”

Na realidade, independentemente de onde estiver ao ler este editorial, será muito difícil não encontrar produtos em papel. Olhe à sua volta…

Ainda acha que a impressão está a morrer?

ANA PAULA CECÍLIA (DIRECTORA)


A LER NESTA EDIÇÃO

A Revista Intergráficas marcou presença na Paperworld Middle East 2017

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

O mundo gráfico num minuto, à distância de um clique

ELEGANTE, FINA E SOFISTICADA – A NOVA CANON POWERSHOT G9 X MARK II

A Canon atualizou recentemente a sua reconhecida gama PowerShot G com a nova PowerShot G9 X Mark II, uma câmara portátil e compacta. Oferecendo velocidades de disparo contínuas super-rápidas de até 8.2 fps, um amplo sensor tipo 1.0 de 20.1 megapixéis e o processador Canon DIGIC 7, a câmara oferece um desempenho fiável e resultados impressionantes em cada disparo. Quer seja um entusiasta à procura de uma companhia fiável, ou esteja preparado para fazer um upgrade ao smartphone, a PowerShot G9 X Mark II é a câmara certa para si.


  • team-v8-1-circle

    “A Intergráficas para além de nos manter informados sobre o que de mais relevante acontece no mercado, tem tido a capacidade de fazer reflectir sobre os novos desafios e ajudar a indústria gráfica a sair do status quo. Tem, definitivamente, contribuído para a dinamização do sector gráfico.”

    PAULO CARVALHO – Xerox
  • “Dezanove anos de vida, 19 anos de sucesso! A Intergráficas desde muito cedo se afirmou como uma revista essencial para o sector. Num mercado cada vez mais tecnológico, onde a informação anda a alta velocidade, o excelente trabalho que a Ana Paula nos deixa é uma mais valia e ajuda na tomada de decisões que, muitas vezes, são determinantes no nosso negócio.”

    BRUNO MOLURAS – Onda Grafe
  • team-v8-2-circle

    “Sobre a revista e estes últimos anos acho que a Ana Paula teve a capacidade para se adaptar a todos os momentos que a indústria gráfica nacional passou ao longo dos últimos anos. Claro que existiram anos melhores, outros bem mais difíceis mas, do seu lado, sempre tivemos palavras de ânimo, sugestões e alternativas para que o dia de amanhã fosse mais colorido!”

    ANÍBAL RIBEIRO – The Navigator Company
  • team-v8-2-circle

    “A Revista Intergráficas é uma publicação muito importante; cada vez mais importante para o sector, tendo em conta a qualidade e importância da informação que transmite aos profissionais deste sector. É um projecto que tem crescido fortemente em todos os aspectos e que espero que continue neste caminho.”

    JOÃO FERNANDES DIAS – Canon Portugal

FICHA TÉCNICA
Diretora: Ana Paula Cecília
Redacção: Ana Paula Cecília
Design e paginação: Design Glow

Fotografia: Sara Butler, iStockphoto e António Camilo
Video: Sara Butler
Marketing e Publicidade: Pedro Silva

Colaboradores: Augusto Monteiro, Daniel Furet, João Felgueiras, Sebastião Camões
Webmaster: Sara Butler

Propriedade: Ana Paula Cordeiro Cecília e Carla Cecília

Newsletter

SOCIAL MEDIA
9
POLÍTICA DE PRIVACIDADE

1. Todo o conteúdo deste site, inclusive textos, gráficos, logótipos, ícones e imagens, é propriedade exclusiva da Intergráficas e está protegido pelas leis nacionais e internacionais de copyright, bem como a compilação, edição e montagem, de todo ou em parte do conteúdo deste site.

2. O website da Intergráficas é de livre acesso a qualquer utilizador. Tem como objectivo, promover e informar os utilizadores dos produtos e serviços da Intergráficas.

3. A Intergráficas não se responsabiliza por eventuais interrupções na consulta do website. É proibida qualquer ligação (link) do domínio www.Intergraficas.pt, ou noutro qualquer website, sem uma permissão por escrito da Intergráficas.