A Roland DG Corporation, líder mundial no fabrico de impressoras de jato de tinta de grande formato, impressoras/cortadoras e cortadoras de vinil, anunciou o lançamento das cortadoras de vinil profissionais GR-640/540/420, as mais recentes adições à sua série CAMM-1.

De acordo com Yohei Shinomura, o diretor de produção do setor de impressão digital da Roland DG, a série GR foi completamente redesenhada do zero para proporcionar a melhor qualidade de corte e produtividade da sua classe devido à melhoria de precisão, velocidade, versatilidade de suporte e funcionalidades de corte de vanguarda adicionais. O novo desenho ergonómico em forma de L do suporte e máquina integrados proporcionam a estabilidade necessária para garantir um corte de precisão mesmo a alta velocidade. O carro de corte redesenhado, o suporte da lâmina e outros mecanismos nucleares permitem às máquinas alcançar uma velocidade de corte máxima de 1485 mm/s e até 600 g de força descendente para cortar suportes difíceis numa única passagem. Os modelos estão disponíveis em amplitudes de corte de 1651 mm, 1397 mm e 1075 mm para permitir aos utilizadores emparelhá-las com as impressoras de jato de tinta que utilizam atualmente.

Shinomura afirmou: “A indústria de corte tornou-se cada vez mais diversa. Além de se fazer sinais, o corte agora inclui a produção de artes gráficas para montras e veículos, películas coloridas para montras e películas de proteção para carros para um novo visual automóvel, vestuário personalizado, etiquetas e decalques, protótipos de embalagens, stencils de jato de areia/tinta etc. A amplitude de aplicações exige a capacidade de lidar com uma ampla gama de materiais de várias espessuras, tais como películas para montras, materiais refletores de alta intensidade, materiais de decalque térmico, incluindo flocagem e brilho, cartão, e proteções para jato de areia.”

Para responder às diversas aplicações e materiais exigidos atualmente pela indústria de corte, a série GR está equipada com cilindros de pressão eletrónicos que permitem ajustar a pressão para 10 níveis predefinidos com o toque de um botão para uma alimentação suave de qualquer espessura de suporte. A função de corte sobreposto permite um corte sobreposto até dez vezes para substratos de corte difícil. A função intuitiva de sobrecorte emula os resultados de uma cortadora tangencial e proporciona cantos afiados e limpos em suportes complicados.

Uma série de inovações tornam a série GR extremamente fácil de utilizar. As cortadoras são capazes de ler marcas de recorte em dados pré-impressos para o alinhamento preciso das artes gráficas. O Roland CutStudio incluído possui uma função de corte perfurado que é muito prática para produzir autocolantes e decalques com efeito de cortante, e uma função de corte por cor que é útil para produzir desenhos com várias folhas coloridas. Uma nova função cria automaticamente linhas de limpeza para uma limpeza mais eficiente após o corte dos desenhos. O Roland CutStudio inclui software plug-in que permite produzir trabalhos do Adobe® Illustrator® e CorelDRAW®. Um cesto de suportes é disponibilizado para recolher as folhas cortadas.

“Desde 1988”, afirmou Shinomura, “a Roland DG vendeu mais de 440 000 cortadoras de vinil. A série GR tem sido desenvolvida com o objetivo de proporcionar qualidade de corte e produtividade líderes na sua classe, com base em todos os avanços tecnológicos que a nossa empresa estabeleceu anteriormente, acrescentado também características inovadoras. Tenho a certeza de que a série GR irá impulsionar a qualidade e eficiência do trabalho dos clientes, facultando uma ampla capacidade para expandir as suas oportunidades de negócio. A Roland DG irá continuar a aprimorar a sua experiência com as aplicações de corte e a proporcionar aos clientes produtos que adicionem valor sem paralelo a uma ampla gama de indústrias.”