CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Nº Páginas: 56/60 (incluindo capa), totalmente a cores
Formato: 21x29,7cm
Papel: Capa – Printomat 3D 200g/m2
Miolo: Printomat 3D 115g/m2

Periodicidade: Mensal
Tiragem Média: 3000 exemplares

Propriedade : Ultraprint, Comunicação & Artes Gráficas, Lda.


PÚBLICO-ALVO

Empresas Gráficas
Empresas Fornecedoras
Empresas Informáticas
Agências de Publicidade
Agências de Meios
Agências de Comunicação Bancos de Imagem
Designers
Direcções de Marketing

Omdesign assina nova rotulagem Grainha

A nova imagem da marca Grainha, detida pela Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, é assinada pela Omdesign

Este projeto é a continuação do trabalho que a Omdesign tem vindo a desenvolver com a produtora duriense na renovação da imagem dos rótulos de várias marcas, nomeadamente Pomares e Quinta Nova.As duas referências – Grainha Reserva Branco 2017 e Grainha Reserva Tinto 2016 – apresentam-se agora numa rotulagem mais clean e minimalista, onde a ilustração da grainha passa a ocupar uma posição de maior destaque. As castas, por sua vez, ganham também mais protagonismo nesta nova imagem que mantém as duas partes que já constituíam anteriormente estes rótulos.

Qta_Nova_N_Sra_do_Carmo_Omdesign_03

Qta_Nova_N_Sra_do_Carmo_Omdesign_02

 

 

A umbrella Quinta Nova mantém-se na parte inferior da rotulagem, mas adota uma nova cor – cinza xisto –, característica da região do Douro, à semelhança do que a Omdesign já definira também para os vinhos da gama Quinta Nova e Pomares.Para a Omdesign, estes vinhos refletem e reforçam com a nova imagem, que mantém o universo cromático já utilizado, toda a essência e valores da marca, com os diferentes elementos em perfeita harmonia e equilíbrio.


Mais segurança e conforto em fábricas e oficinas

A notícia já correu o mundo. Há uma empresa alemã que oferece panos de limpeza e esteiras de retenção de óleo da melhor qualidade com serviço completo. Quais as vantagens? A limpeza da fábrica ou da oficina fica a cargo de um especialista – este outsourcing alivia e permite uma previsão exata dos custos.

A MEWA é uma empresa alemã de cariz familiar com uma história de sucesso de 110 anos. Ao longo das décadas, a MEWA foi aperfeiçoando a qualidade dos produtos e o sistema de reutilização. O resultado: panos e esteiras ultra-absorventes com um sistema confortável e de baixo custo que se insere de forma harmoniosa no dia-a-dia de cada fábrica ou oficina. Hoje em dia, a MEWA é líder mundial em gestão têxtil. E o que quer dizer gestão têxtil quando falamos desta empresa? O aparecimento de panos de limpeza ultra-absorventes e esteiras têxteis de retenção de óleo para fábricas e oficinas com sistema de reutilização, ou seja, fornecimento dos panos e esteiras, recolha, lavagem e devolução.

A necessidade quantitativa de panos e/ou esteiras é apurada pela MEWA. Quanto ao ritmo do sistema de reutilização – recolher, lavar e substituir – o cliente também pode contar com o conselho da MEWA. Para assegurar que os panos e esteiras sujos de lubrificantes são guardados de forma segura depois de terem sido usados muitas vezes, a MEWA fornece também o adequado contentor especial: o SaCon que é prático e seguro devido ao fecho hermético. Este contentor de segurança também serve para a recolha e o transporte dos panos e esteiras.

O sistema inteligente, económico e ecológico também é vantajoso para microempresas. E sobretudo ali, onde há poucas mãos para trabalhar, o sistema de panos de limpeza da MEWA facilita e aumenta o conforto e a segurança.


A Lecta apresenta o novo saco de Creaset Bags

Um dos principais fabricantes europeus de sacos de compras e acessórios para embalagem, a Fiorini Internacional, produziu um novo saco para a gama de papéis couché de 1 face Creaset Bags da Lecta, o qual foi apresentado na feira Packaging Première, a feira dedicada à embalagem premium, realizada em Milão de 15 a 17 de maio.

Com o slogan Pure Inspiration e com um design sofisticado que transmite elegância e leveza, a Lecta apresenta, através deste atrativo saco, um papel que faz parte de uma versátil gama que permite criar tudo o que possa imaginar, fazendo jus ao lema da marca Creaset: Endless Possibilities. Desde uma etiqueta de perfume a um rótulo de vinho ou um conjunto para embalagem flexível de alta qualidade, as possibilidades são infinitas.

Creaset Bags é um papel couché de 1 face, branco brilhante, com uma alta carga de rotura e de rebentamento. Está disponível em gramagens de 90, 100, 110 e 120 g/m2, oferece uma excelente capacidade de impressão e é adequado para a impressão em offset e flexografia. É um produto 100% reciclável, biodegradável e compostável. É fabricado com pasta química ECF (Elemental Chlorine Free) e pode ser encomendado com certificação FSC® ou PEFCTM.


Cores e efeitos iridescentes de qualidade nunca antes vistos

Cores e efeitos iridescentes de qualidade nunca antes vistos em aplicações impressas digitalmente, são agora uma realidade.

O novo equipamento de Produção Xerox cria cores CMYK de alto destaque, cores metálicas ricas em detalhes e efeitos especiais iridescentes. A empresa que inventou a cópia, a impressão a laser e o print-on- demand acaba de anunciar outro inédito no mundo da impressão. Alta velocidade, com 6 estações de cor que combinam impressão a quatro cores com até duas cores adicionais numa só passagem. A Impressora de Produção Xerox® Iridesse é a única impressora de produção digital que pode imprimir cores metálicas como ouro ou prata conjugadas com cores CMYK e isto tudo, numa só passagem.

Desenhada com um rigoroso sistema de gestão de cor e uma solução ponderosa de automação, possibilita aos fornecedores de serviços de impressão gráfica disporem de uma vantagem competitiva imediata. “A Iridesse pode fazer trabalhos que nenhuma outra impressora de produção digital pode fazer, e isso é o mais importante para os nossos clientes: conseguirem fazer mais e com maior qualidade.”, disse Paulo Carvalho, Production Business Manager, da Xerox Portugal. “Nós criamos esta impressora para produzir efeitos especiais e aprimoramentos digitais, a um custo acessível e sob fluxos de trabalho simplificados para que os nossos clientes possam aproveitar as oportunidades de mercado e fazer crescer os seus negócios.”

A Iridesse elimina a necessidade de utilizar vários equipamentos para realizar a mesma tarefa, aumentando a capacidade e os lucros dos clientes. De acordo com o estudo da Keypoint-InfoTrends 1 , a integração destas funcionalidades no mercado da impressão digital pode resultar num rápido retorno do investimento, com margens de lucro elevadas, que podem ir dos 50% a 400%. “A funcionalidade de passagem única da Iridesse e dos seus sistemas de controlo de qualidade e de automação dos fluxos de trabalho, reduz tempos de trabalho na incorporação das cores metálicas e vernizes e é um diferencial para Xerox e uma vantagem competitiva para os fornecedores de impressão”, palavras de Ron Gilboa, Diretor, Keypoint inteligência-InfoTrends.

Com duas estações adicionais de tinta seca em linha, os clientes podem criar aplicações de alta rentabilidade com cores spot, mistas e metálicas de diferentes gradientes. Ouro e prata, tintas secas metálicas podem ser usadas autonomamente ou em camadas sob ou sobre cores CMYK


Omdesign brilha novamente em Itália

A Omdesign conquista mais 3 prémios em Itália, no concurso A’Design Award & Competition: um Platina e dois Ouro.

A agência de Leça da Palmeira foi uma das três empresas, a nível global, a receber Platina com o packaging de autopromoção Omdesign 2017, na categoria “Packaging Design”. Motivado pela devastação das florestas portuguesas nos incêndios do ano passado e pela seca extrema, reforça o compromisso da empresa com o futuro e as suas preocupações ambientais e de sustentabilidade, incentivando, através de um packaging produzido a partir de um tronco queimado nos fogos florestais de 2017, com uma garrafa de água e um dispensador gota-a-gota, a plantação dos 165 pinheiros fornecidos nas embalagens – um por cada distinção que a empresa recebeu nos últimos 3 anos. Na categoria “Luxury Design”, o trabalho realizado no âmbito da comemoração dos 130 Anos da Gran Cruz foi distinguido com Ouro. Inspirado no mote “130 anos de paixão e de savoir-faire”, o packaging 130 Anos Gran Cruz celebra a história e os valores da empresa e procura refletir a essência e exclusividade do Douro e do Vinho do Porto em todos os seus detalhes.

 

 

 

O livro “300 Anos no coração do Douro”, da Quinta do Vallado, conquistou Ouro na categoria “Print and Published Media Design”. Ilustrando a história desta Quinta em 224 páginas, este livro conta com uma meticulosa seleção de fotografias que apresentam a evolução desde o passado até ao presente, mas também apontam os seus olhares para o futuro.Este é o terceiro ano consecutivo que a agência é distinguida nesta competição. Considerado um dos mais importantes e abrangentes concursos internacionais de design, o A’Design Award & Competition contou com trabalhos provenientes de cerca de 100 países.

Os três projetos premiados vão representar o design nacional e a Omdesign em várias exposições internacionais com início no dia após a gala de entrega de prémios, que, por sua vez, está agendada para o dia 29 de junho, em Itália.


A novíssima Océ ColorWave 9000 da Canon

A Canon acaba de lançar um novo sistema de impressão a cores de grande formato e elevado volume, o Océ ColorWave 9000, criado para clientes dos setores da arquitetura, construção, engenharia e fabrico (AEC&M).

Aos actuais ambientes empresariais atarefados, a Océ ColorWave 9000 oferece produtividade e flexibilidade otimizadas ao permitir imprimir eficazmente documentos técnicos de alta qualidade, mapas GIS e materiais para pontos de venda, num sistema com capacidade de cor única. A Océ ColorWave 9000 incorpora a tecnologia de jato de tinta Océ Single Pass e suporta uma elevada capacidade de suportes, permitindo aos utilizadores gerir volumes de pico de trabalho, diminuir os prazos de entrega e reforçar significativamente a produtividade do grande formato.

O sistema apresenta velocidades de impressão consistentes de 11,5 páginas A0 ou 16 páginas A1 por minuto, independentemente do conteúdo da imagem, tipo de suporte ou sistemas de acabamento, ao mesmo tempo que reduz o número dos ciclos de manutenção. Com capacidade de seis rolos, troca automática de rolos e carregamento semiautomático de suportes, a Océ ColorWave 9000 foi desenvolvida para reduzir o tempo de manuseamento dos suportes, enquanto a elevada previsibilidade da produção permite programar tarefas fácil e fiavelmente.

Com a menor gota (1.2 picolitros) e a menor cobertura de tinta do mercado, a Océ ColorWave 9000 reduz substancialmente o consumo de tinta sem comprometer a qualidade. A tecnologia jato de tinta Océ Single Pass oferece uma vasta gama de cores jato de tinta, produzindo excelentes resultados em escala de cinzas e cores vibrantes numa variedade de substratos, incluindo papel sem revestimento de qualidade inferior. Nos documentos técnicos a impressora assegura uma precisão e legibilidade elevadas e detalhes refinados com resolução de 1,600 x 1,600 dpi.

Os clientes podem escolher entre uma variedade de soluções de fluxo trabalho otimizadas para a Océ ColorWave 9000, incluindo um fluxo de trabalho CAD produtivo e de grande volume, um controlador POWERsync de elevada velocidade aperfeiçoado, e um conjunto de outras soluções Océ para fluxos de trabalho específicos da impressão de documentos técnicos, que têm como objetivo reforçar a usabilidade do equipamento.

Combinada com a nova dobradora topo de gama Océ Professional 6011/6013, a Océ ColorWave 9000 apresenta-se com uma solução completa e altamente produtiva, com opções de dobragem de mapa e dobragens longas para aumentar a versatilidade do sistema.

“A Océ ColorWave 9000 é uma tecnologia especializada em documentos técnicos de grande formato que oferece aos clientes a produtividade que necessitam para se manterem na linha da frente neste mercado agitado que é o AEC&M. Está configurada para ser uma tecnologia obrigatória em ambientes onde se produzem grandes volumes de documentos técnicos e mapas. A verdadeira produtividade não é medida pela velocidade de um único componente, mas pelo percurso total desde o envio do trabalho até à entrega do produto dobrado, que é onde a Océ ColorWave 9000 brilha verdadeiramente enquanto solução completa. O seu software, manuseamento do suporte, interface de utilizador e dobradora foram criados a pensar no fluxo de trabalho e nas aplicações do utilizador final.”, refere Carel Raijmakers, Director, Industrial & Production Solutions, Imaging Supplies, AEC&M and TDS, da Canon Europa.

A Océ ColorWave 9000 terá a sua estreia Europeia na FESPA 2018 (Berlim, de 15 a 18 de maio de 2018, Hall 3.2 Stand A40/B40), onde será demonstrada com a nova dobradora Océ Folder Professional 6013, permitindo aos visitantes conhecerem a solução completa.


A Pixartprinting encontra os impressores europeus

Mais de 100 máquinas industriais de última geração instaladas na sede em Veneza, incluindo as numerosas tecnologias exclusivas concebidas à medida pelos produtores de sistemas.

Um departamento que conta com as melhores soluções de impressão até hoje disponíveis no mercado, desde o pequeno até ao grande formato, passando pela Catalyst, a nova linha produtiva inovadora concebida para as embalagens. Este é um dos ativos da Pixartprinting, um web-to-print com mais de 600 mil clientes em toda a Europa, que pela primeira vez estará presente com uma área de exposição na Fespa (a decorrer em Berlim de  15 a 18 de maio de 2018). “A relação privilegiada com os fabricantes construída durante 25 anos de atividade oferece-nos vantagens competitivas em termos tecnológicos, com a possibilidade de testar em primeira mão as novas soluções ou de desenvolver elementos exclusivos a nosso pedido.”, explica Alessio Piazzetta, diretor executivo de produção da Pixartprinting. “A nossa participação na Fespa é uma forte mensagem para os impressores e para os Prestadores de Serviços de Impressão europeus. Na feira teremos oportunidade de os encontrar pessoalmente depois de anos de colaboração positiva. Além disso, o evento internacional será também uma ocasião para nos apresentarmos a quem ainda não é nosso parceiro, ilustrando as numerosas vantagens da nossa fórmula”.

Os contínuos investimentos nas tecnologias mais avançadas de impressão e acabamento permitem à Pixartprinting afirmar-se perante os impressores como parceiro produtivo, e não só para o grande formato. O crescimento constante da empresa veneziana foi acompanhado pelo contínuo alargamento do catálogo, que até hoje conta com mais de 3 milhões de combinações possíveis e 50 novos produtos introduzidos anualmente.” No nosso stand iremos expor uma seleção de aplicações partindo, naturalmente, da impressão em grande formato em tecidos sintéticos, PVC, vinil e materiais rígidos, como alumínio, Forex, Plexiglas. Não irá faltar uma amostra de todas as nossas outras especialidades, que vão desde o pequeno formato, passando pelas embalagens com acabamentos especiais até ao merchandising apresentado recentemente”, conta Federico Gonzalez, Diretor de Marketing e Vendas da Pixartprinting.

Pode visitar a Pixartprinting no Stand B70a, Pad Hall 3.1


Impressora HP ENVY ISS lançada no espaço

A impressora HP ENVY ISS foi lançada no espaço a bordo do Space-X CSR 14 Rocket na segunda-feira, dia 2 de abril

Após mais de um ano de testes exaustivos, planeamento e desenvolvimento, a impressora HP ENVY Zero-Gravity foi enviada para a Estação Espacial Internacional para proporcionar aos astronautas um upgrade à impressora anterior há muito esperado! A impressora Zero-Gravity foi projetada especificamente para responder aos requisitos da NASA, incluindo a gestão de papel em zero-G, a utilização de plásticos retardadores de chama e gestão de tinta residual em zero-G.

Este lançamento suporta a visão da HP sobre “O futuro alimentado pela reinvenção”, e mostra o poder da inovação em impressão tanto na Terra como em órbita.


HUAWEI P20 e HUAWEI P20 ou o Renascimento da Fotografia

Num evento exclusivo que decorreu hoje no Grand Palais em Paris, a Huawei Consumer Business Group revelou os mais esperados HUAWEI P20 e HUAWEI P20 Pro.

O HUAWEI P20 Pro possui a primeira câmara tripla Leica no mundo num smartphone e ambos os dispositivos incluem funcionalidades avançadas de Inteligência Artificial (IA) sem precedentes, combinando tecnologia e arte numa experiência móvel de tirar o fôlego. A Huawei criou grandes expectativas para a fotografia mobile com o lançamento do HUAWEI P9, o primeiro com dupla câmara Leica.

Com o lançamento da série P20, a Huawei torna a captação de fotografias de qualidade profissional, sem esforço, numa experiência para todos. “Procuramos inspirar-nos nos artistas que  continuamente se envolvem com o nosso modo de abordar o design e inovação”, afirmou Richard Yu, Chief Executive Officer, Huawei Consumer Business Group. “A série HUAWEI P20 é criada no seguimento da colaboração com a Leica. Com a inovadora câmara de lente tripla no HUAWEI P20 Pro, complementada por inteligência artificial e novas cores impressionantes, a série HUAWEI P20 é pensada para refletir beleza e luz. O HUAWEI P20 e o HUAWEI P20 Pro permitem que os consumidores mais entusiastas captem e partilhem o brilho do mundo ao seu redor sem igual”.

 

huaweip20_02

 

Atingindo os mais elevados resultados de DxMark’s 1 , a série HUAWEI P20 inclui sistemas de câmara avançados que oferecem aos consumidores funcionalidades que melhoram todas as fases da experiência fotográfica.

A série HUAWEI P20 apresenta um novo sistema de câmara avançado que oferece aos consumidores recursos que aperfeiçoam a experiência da fotografia no smartphone. O HUAWEI P20 Pro possui uma câmara tripla Leica com a maior quantidade de pixéis conseguida no sector dos smartphones mais recentes – a configuração da câmara é composta por um sensor RGB de 40MP, um sensor monocromático de 20MP, um sensor de 8MP com lente telescópica. Inclui ainda uma nova e exclusiva tonalidade Leica com um ISP dedicado e sensor de temperatura e cor que garantem uma melhor reprodução de cores.

 

huaweip20_03

 

O HUAWEI P20 baseia-se nos princípios do seu antecessor, mas com uma nova câmara dupla Leica, um sensor de 12MP com uma dimensão de pixel de 1,55 μm e um sensor monocromático de 20MP, melhorando a capacidade do HUAWEI P20 na captação de fotos em ambientes de pouca luz. Os dispositivos da Série HUAWEI P20 suportam estabilização de seis eixos e super câmara lenta de 960fps, que é 4x maior que a padrão de 240fps e captura detalhes que não podem ser vistos a olho nu.


Toshiba anuncia hoje o dynaEdge DE-100

A Toshiba anuncia hoje o dynaEdge DE-100, um dispositivo móvel de edge computing Windows 10 de elevada performance, em conjunto com os óculos inteligentes de Realidade Assistida AR100 Viewer.

Concebido para trazer para o ambiente de trabalho um wearable portátil, estas novas soluções irão permitir às grandes empresas melhorar a sua eficiência, qualidade de performance e flexibilidade operacional num ambiente de constante evolução. O dynaEdge DE-100 e os óculos inteligentes AR100 Viewer irão estar focados nas indústrias com maior foco em linhas de produção, incluindo empresas de manufatura, logística e manutenção.

Um software de controlo remoto especializado out-of-the-box, que inclui a integração com o Skype for Business, será ainda complementado com o anúncio da parceria a longo prazo com a Ubimax GmbH, o líder de mercado mundial de computação wearable empresarial, em que as suas soluções serão implementadas com integração deste novo dispositivo.

“Estamos muitos orgulhosos de estar na linha da frente da área de wearables empresariais, ao introduzir a primeira solução monocular de Realidade Assistida para combinar com a capacidade do Windows 10 Pro PC, a funcionalidade mais robusta no segmento empresarial de óculos inteligentes, e um workflow de eficiência específico para a indústria fornecido através da parceria com a Ubimax,” afirma Maki Yamashita, Senior Vice President, PC & Solutions EMEA, Toshiba Europe GmbH. “Isto leva-nos a disponibilizar o próximo tipo de workflows para otimizar a eficiência das equipas de trabalho.”

Uma nova visão de eficiência

O dynaEdge DE-100 é um dispositivo móvel de edge computing, leve e portátil, que oferece a capacidade de performance de um PC através da 6ª Geração de processadores Intel® Core™ vPRO™. Este corre com o Windows 10, a solução pode facilmente ser integrada na infraestrutura de TI existente, enquanto beneficia simultaneamente do suporte e segurança através das atualizações Microsoft à plataforma. A bateria recarregável disponibiliza um período de vida útil até seis horas e meia (dependendo da configuração e condições de utilização) só com uma carga. Esta bateria também é removível, permitindo aos trabalhadores poderem trabalhar ao longo do dia quer estejam em movimento ou no terreno através de uma simples troca de bateria, caso seja necessário.

Combinado com o confortável AR100 Viewer, os trabalhadores irão beneficiar de uma conectividade sem limites, com o dispositivo equipado com as últimas tecnologias Wi-Fi, Bluetooth® e GPS – permitindo aos óculos inteligentes conectarem-se com a rede corporativa, enviar e receber dados, fazer live streaming de vídeo e monitorizar ativos.

A Toshiba Vision DE Suite permite aos especialistas que se encontram em zonas remotas ter um novo cenário de utilização e de trabalho através de uma solução out-of-the-box com integração com Skype for Business. Isto permite aos trabalhadores não só partilharem ficheiros, mas também mostrar a sua primeira impressão e visão através de imagens e vídeo em tempo real, criando assistência remota e oportunidades de colaboração únicas. A Toshiba mantém-se comprometida em evoluir e expandir constantemente estas funcionalidades, em conjunto com workflows específicos da indústria, através da parceria com a Ubimax.

Ubimax: Uma parceria estratégica a longo prazo.

“Estamos muito entusiasmados com a parceria com a Toshiba e acreditamos que a combinação da sua experiência e conhecimento técnico com a nossa experiência no desenvolvimento de wearables, nos permitirá aumentar a penetração e utilização de wearables na indústria através de soluções inovadoras,” afirma Jan Junker, Chief Commercial Officer, Ubimax. “A nossa base instalada de mais de 200 clientes também será capaz de utilizar as suas atuais soluções Ubimax em Windows 10, com o dynaEdge. Estamos confiantes no reforço desta parceria numa base a longo prazo e iremos anunciar mais integrações nos próximos meses.”

Acessórios

O Kit de Realidade Assistida AR100 Viewer contém o AR100 Viewer, um cabo USB Type-C, um clip para o cabo, um coldre e uma caixa de transporte. Acessórios adicionais estarão também disponíveis para diferentes tipos de uso e preferências de como montar o AR100 Viewer.

Disponibilidade

A solução dynaEdge AR100 Viewer smart glasses estará disponível no Mercado europeu no Segundo trimestre de 2018.


Beltrão Coelho acompanha a Xerox na Portugal Print 2018

Entre 15 e 17 de Março, a Beltrão Coelho estará presente na feira “Portugal Print Packaging and Labeling”, acompanhando a Xerox no seu stand. Trata-se do maior evento nacional dedicado à indústria gráfica profissional – englobando os sectores da embalagem, etiquetagem e rotulagem.

Esta será a quinta edição da feira e a primeira a realizar-se na FIL, em Lisboa (sendo que nos anos anteriores decorreu na Exponor, no Norte). A expectativa é que este ano o número de visitantes seja superior ao do ano passado, estimando-se uma afluência de 12.000 visitantes.

Por exigência do mercado, esta edição contará com o segmento de “Packaging e Labeling”, facto que poderá motivar um maior interesse e adesão. Contando já com 75 expositores confirmados, a Portugal Print assume-se como “o maior palco de exposição” nacional neste ramo, um evento incontornável para os fornecedores, fabricantes e distribuidores que queiram estar a par das últimas tendências tecnológicas da indústria gráfica.

Enquanto parceira da Xerox, a Beltrão Coelho estará presente neste evento, estendendo o convite aos seus clientes do ramo da produção gráfica. O objetivo será dar a conhecer as soluções de produção gráfica da Xerox (que será o único fabricante presente com um stand próprio), dando destaque aos equipamentos de Produção Versant 180 e Versant 3100, bem como à oferta para os mercados de oportunidade, como a Embalagem e Produção de Livros.


Chiado Books e Atlantic Print no Top da Impressão Digital de Livros

Gonçalo Martins é CEO da Chiado Books, uma das mais dinâmicas e reconhecidas editoras do mercado nacional. Quando completa dez anos, a editora consolida a sua presença em Portugal e celebra a entrada no mercado brasileiro onde regista sucesso absoluto.

Depois de ter sido orador no Printalks, falámos com Gonçalo Martins, e quisemos saber tudo sobre a Chiado Books, a Gráfica Atlantic Print e o que pensa do mercado de impressão digital de livros.

A completar dez anos de operação, a CHIADO BOOKS afirma-se de forma destacada como a maior empresa do mundo na publicação em língua portuguesa e, uma das que mais cresce em língua castelhana. Em 2017, publicou mais de 700 títulos em Portugal, 500 títulos no Brasil, 300 títulos em Espanha e na América Latina e 100 títulos entre as suas chancelas para as línguas francesa, italiana e inglesa. No total, foram mais de 1600 novos títulos, em mais de vinte países, num catálogo onde podem ser encontrados variados géneros literários e uma diversificada montra de autores, desde os mais consagrados a talentos emergentes.

Uma das chaves para este meteórico crescimento é o investimento realizado numa unidade gráfica própria, a ATLANTIC PRINT, considerada hoje a maior gráfica de impressão digital de livros em Portugal, responsável pela produção de todos os catálogos nacionais e internacionais da CHIADO.

Gonçalo Martins, fundador e CEO da Break Media, empresa que detém a CHIADO BOOKS e a ATLANTIC PRINT revelou que, para tudo isto fosse possível, houve um aspecto fundamental o motivou a avançar na altura com a CHIADO BOOKS. “Tinha perfeita noção de que existia um imenso número de autores, com muito talento, que não conseguiam publicar as suas obras com as editoras mais tradicionais ,e não me revia minimamente nos motivos pelos quais isso acontecia. O acesso à publicação estava reservado a um número restrito de autores, aos quais as editoras tradicionais reconheciam maior potencial comercial, em regra apontando a vendas superiores a três ou quatro mil exemplares, o que me parecia extremamente conservador e castrante de qualquer oportunidade para quem estivesse a dar os seus primeiros passos enquanto escritor. Nessa multidão de autores não publicados, encontrava regularmente obras com um imenso valor e interesse, independentes do seu potencial comercial. Eu próprio tinha amigos que tinham obras que haviam vendido trezentos ou quinhentos exemplares, às quais reconhecia a maior qualidade. O facto de um livro vender quarenta mil exemplares não significava, nem significa hoje, que é melhor do que o livro que vende quatrocentas cópias.”

Gonçalo Martins relembra que em 2008 o país atravessava uma das maiores crises da história recente, quando a CHIADO BOOKS publicou a sua primeira obra. “O mercado livreiro registava violentas quebras de vendas, sem que tal desse sinais de alterar o paradigma editorial vigente, assente na produção em grande escala de um número reduzido de produtos. As editoras e distribuidoras começavam a sentir problemas estruturais que não conseguiam esconder, com stocks excedentes, devoluções e fundos de catálogo acumulados em grande volume. Em poucos anos, já não era necessário que uma obra vendesse oitenta mil exemplares para ser classificada como best-seller. Passou a ser aceite que um best-seller vendia dez, cinco ou mesmo três mil exemplares e não eram visíveis sinais de adaptação, por parte das editoras convencionais, ao novo paradigma e aos novos tempos.”

O poder de compra era violentamente afectado pela crise económica, mas esse não era o único motivo que Gonçalo Martins apontava para a quebras de vendas no mercado do livro. “Esse era apenas um dos factores da equação. Outro, igualmente importante para explicar as enormes quebras, era o facto dos próprios hábitos de consumo estarem a mudar rápida e radicalmente. Na minha opinião, no futuro imediato apenas por quem estivesse preparado para responder de forma ágil ao que os leitores pediam e à forma, ritmo e volume dos pedidos, se quisessem ter sucesso. E isso, salvo alguns livros e autores excepcionais, não seria possível quando se avançava logo à partida com três, quatro ou cinco mil exemplares de uma obra, só porque não se era capaz de vislumbrar forma mais razoável de os imprimir que não fosse em inevitáveis lotes de milhares.”

No entanto, Gonçalo Martins deparou-se com um problema central na definição do seu modelo: por um lado, os valores médios para produzir tiragens pequenas em offset (a tecnologia dominante), eram perfeitamente proibitivos e, por outro, a tecnologia que poderia permitir fazê-lo a um custo razoável, sem que se comprometesse a qualidade do livro, a impressão digital, ainda não se encontrava suficientemente amadurecida no nosso país, fruto de alguma desconfiança e da inexistência de capacidade produtiva com esta tecnologia.“Quando criei a CHIADO, em 2008, o panorama gráfico português não estava minimamente preparado para o nosso modelo. Algumas gráficas tinham um ou dois pequenos equipamentos digitais, que encaravam fundamentalmente como ‘backup’ para trabalhos em offset. Não existia escala, nem equipamentos de topo que me permitissem contratar os nossos trabalhos em Portugal”, continua Gonçalo Martins. “Recordo-me de conversar com gráficas que contactei na altura, em que procurava abordar a necessidade de evolução dentro no digital. Parte das reacções que colhia não eram as melhores, ou as mais confiantes acerca da minha visão.”

Numa primeira fase, a opção de Gonçalo Martins foi avançar com a impressão dos primeiros livros numa das maiores gráficas offset do país, embora sabendo que se trataria de uma solução a prazo. Percebeu então que, se em Portugal o digital era ainda encarado enquanto tecnologia menor e de futuro incerto, em Espanha, várias gráficas apostavam nessa tecnologia, com linhas de produção inteiramente digitais, compostas por equipamentos de topo no segmento, que começava a constituir-se como alternativa e uma séria ameaça às gráficas mais tradicionais.“Comecei a produzir numa gráfica digital espanhola. Conseguia finalmente ter um custo razoável de produção, sem comprometer minimamente a qualidade de impressão dos livros, o que me permitia ter margem para pagar maiores royalties aos autores, assumir os custos de uma distribuição mais alargada ou contratar, por exemplo, mais colaboradores. Além disso, tinha custos relativamente estáveis, quer imprimisse quinhentos, trezentos ou setecentos exemplares numa primeira edição”, conta Gonçalo Martins.

O CEO da CHIADO empenhou-se então em aprofundar o seu conhecimento da tecnologia digital e visitou muitas gráficas e feiras internacionais em que conheceu e testou os equipamentos de primeira linha deste segmento. “A cada ano, era incrível como a tecnologia digital dava enormes saltos em frente. As linhas eram progressivamente melhores, mais rápidas, mais robustas e esta alternativa ao offset ganhava cada vez mais credibilidade.”

Gonçalo sabia que o futuro da CHIADO passaria por aí, e em 2011 criou a ATLANTIC PRINT, a unidade gráfica que imprime todos os livros da CHIADO BOOKS. Tudo começou num espaço com 80 metros quadrados que, três anos depois ocupava mais de 2.000 m2 num complexo gráfico e logístico na Portela de Sacavém, em Lisboa. O forte crescimento no continente sul-americano levou à criação de uma subsidiária da ATLANTIC PRINT no Brasil para produção dos catálogos brasileiros e latino-americanos. “Todos os dias produzimos milhares de livros para o mercado português e restantes mercados da Europa em que estamos presentes.”

Pioneira na aposta na impressão digital para o mercado de produção de livro em larga escala, a CHIADO BOOKS veio confirmar a importância da atenção às oportunidades que a inovação e as novas tecnologias podem oferecer. Resultado de um investimento financeiro de cerca de 1,5 milhão de euros, sete anos volvidos a ATLANTIC PRINT conta com 25 colaboradores directos e 10 equipamentos de impressão digital de ponta.


Omdesign conquista dois Ouros no Wine Design Challenge

A agência de design e publicidade de Leça de Palmeira, Omdesign, acaba de conquistar dois Ouros no Wine Design Challenge, uma competição da revista Drinks International.

Um prémio foi atribuído ao projeto de autopromoção “Packaging Omdesign 2016”, na categoria Alternative Wine Packaging Design, e o outro à edição especial e limitada “130YO Gran Cruz”, na categoria New Design of a Wine Brand.

WineDesignChallenge_Omdesign_3

WineDesignChallenge_GranCruz_Omdesign_3

WineDesignChallenge_GranCruz_Omdesign_2

WineDesignChallenge_GranCruz_Omdesign_1

O Packaging Omdesign 2016 reflete e consolida as fortes preocupações ambientais que a agência defende desde a sua fundação, em 1998. Todo o conceito desta embalagem está retratado no filme “Our commitment to the future” (https://www.youtube.com/watch?v=50P8iTlKzoc). Por sua vez, o projeto da Gran Cruz, que assinala e celebra os 130 anos da empresa sob o mote “130 anos de saber-fazer e de paixão”, é apresentado numa edição numerada e exclusiva, que pretende eternizar este marco histórico.

Esta edição, cujos jurados são profissionais do setor vitivinícola das mais diversas áreas, nomeadamente críticos, retalhistas, designers gráficos, entre outros, contou com a participação de empresas oriundas de diferentes países e salienta a importância do design para os consumidores de vinhos.


Konica Minolta líder nos modelos A3 a cor em Portugal

De acordo com os dados da Infosource recentemente divulgados, os dois equipamentos multifuncionaismais vendidos em Portugal neste segmento durante o CY2017 são ocupados pelos modelos Bizhub premium C227 e C258, respectivamente.

Os resultados confirmam que a Konica Minolta detém uma quota de mercado de 23,8% no segmento Office A3 a COR, evidenciando, um crescimento de 1,7% face ao ano de 2016. Este resultado é acompanhado, também, por um aumento de 9% nas vendas em relação ao período de 2016. Vasco Falcão, diretor-geral da Konica Minolta Portugal e Espanha, sublinha a importância deste crescimento para a Konica Minolta em Portugal. “Os resultados apurados em relação ao ano de 2017 refletem o sucesso da nossa estratégia de proximidade com os nossos clientes bem como a qualidade que os nossos equipamentos e serviços oferecem.” 

No que diz respeito ao desenvolvimento de mercado, no ano de 2017, a Konica Minolta apresentou, igualmente, bons resultados, no segmento a COR em modelos A3 e A4, com um crescimento de cerca de 12%. “A Konica Minolta procura estar na vanguarda no que concerne à inovação, especialmente, em mercados como os de Office, que estão em constante atualização. Temos a experiência e o know-how que nos permite conhecer e antecipar as necessidades do cliente, trabalhando, sempre, no sentido de responder com a melhor solução, proporcionando, sempre, a melhor oferta de valor para o mercado”, acrescenta Vasco Falcão.

Sobre os modelos

Konica Minolta Bizhub C227:

Esta série de sistemas multifuncionais a cores da Konica Minolta vai ao encontro das mais diversas necessidades, oferecendo funções como acesso WiFi integrado, painéis individualizados e intuitivos e tecnologias de interface de última geração. Os novos sistemas de escritório bizhub C227 incluem um painel touch de 7’’com Near Field Communication (NFC) para dispositivos Android e Bluetooth Low Energy para dispositivos iOS incorporados, o que permite conexão automática aos tablets ou smartphones dos utilizadores, conferindo a comodidade do touch-to-print, bem como a funcionalidade touch-to-scan.

 Konica Minolta Bizhub C258:

A bizhub C258 oferece qualidade de impressão de 25 ppm e possui um painel intuitivo com uma área de mobile touch. Integra a tecnologia Near Field Communication (NFC) que permite aos utilizadores emparelharem os seus dispositivos móveis com o MFP; imprimir e digitalizar os documentos diretamente através do dispositivo móvel, sem haver necessidade de recorrer ao PC. E, para ainda maior conveniência, o painel e a interface do MFP podem ser personalizados às necessidades individuais de cada utilizador, tornando as tarefas diárias de impressão, digitalização e cópia ainda mais eficientes. Simultaneamente, os administradores de TI beneficiam da integração do equipamento com a rede, o que facilita e agiliza o seu trabalho.


Prémios iF Design Awards reconhecem equipamentos Canon pelo 24º ano consecutivo

A Canon, líder mundial em soluções de imagem, anuncia que seis dos seus equipamentos foram reconhecidos pelo iF International Forum Design GmbH com os prestigiados iF Design Awards 2018.

Criados em 1953, os iF Design Awards são considerados uns dos prémios mais prestigiados na área do design, com designs industriais reconhecidos e galardoados por todo o mundo. Este ano, o comité de especialistas de design de renome internacional avaliou 6.402 inscrições de 54 países e regiões em sete categorias. Estas incluem equipamento, embalagem, comunicação, arquitetura interior, conceito profissional, design de serviço/experiência de utilizador e arquitetura.

Este é o 24º ano consecutivo em que a Canon vence os iF Design Awards. Incentivada pelo reconhecimento do design de excelência, a Canon irá continuar a dedicar-se ao desenvolvimento de produtos que combinam os mais elevados níveis de desempenho e de design.


Omdesign renova Pomares da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo

A Omdesign foi a agência de design e publicidade responsável pela criação da nova imagem da marca Pomares, da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo.

Com uma preocupação clara em estabelecer harmonia e equilíbrio entre os diferentes elementos que integram a nova composição gráfica adotada, a marca Pomares ganha agora ainda mais força, ao passar para o topo do labelling, tendo a Omdesign optado por manter as duas partes que já constituíam estes rótulos, passando a umbrella da marca a cinza xisto, característico do Douro.

As três referências que compõem a gama – dois brancos e um tinto – apresentam-se com novas cores, em tons mais pastel, mas mantêm o universo cromático com que estes vinhos já se encontravam no mercado.

 

Pomares_Quinta Nova_Omdesign_1

 

Com esta renovação, a marca Pomares pretende aproximar-se dos millennials e responder às aspirações desta geração de consumidores que aprecia novas experiências. Segundo Luísa Amorim, administradora da empresa, “a gama Pomares posiciona-se no segmento de vinhos gastronómicos com elevada qualidade mas consideramos que deviam ser mais descomprometidos correspondendo assim ao carácter desta geração”.

Importa referir ainda que a Omdesign tem vindo a trabalhar também a imagem de outros vinhos Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, nomeadamente o Terroir Blend Reserva, Grande Reserva e Referência, três colheitas de 2015 recentemente lançadas em Portugal.


Pixartprinting anuncia entrada no mundo do merchandising

A costumização em massa é a vocação da Pixarprinting,entendida como estratégia orientada para satisfazer as necessidades individuais e garantindo as vantagens da produção em massa.

Para cumprir a promessa feita aos seus clientes, é preciso flexibilidade e capacidade de saber ouvir para conhecer as suas necessidades e desejos, características que desde sempre diferenciaram o modus operandi da empresa, hoje líder europeia da impressão online. E assim se multiplicam os pontos de contacto de interação com os clientes, se desenvolvem projetos de fidelização perfilados, se investe no serviço e na capacidade produtiva, mas sobretudo se enriquece o catálogo constantemente. E se a costumização em massa é a estratégia escolhida pela Pixartprinting e por todo o grupo Cimpress, a personalização é cada vez mais uma exigência manifestada pelos utilizadores. Parceiro tecnológico para profissionais das artes gráficas como tipografias, estudos gráficos, agências de comunicação e de eventos, a Pixartprinting anuncia a entrada no mundo do merchandising.

 

 

Disponível online a partir de fevereiro de 2018 uma primeira seleção de artigos promocionais personalizáveis subdivididos em 3 categorias: tecnologia; escritório e papelaria; casa e tempos livres.”Uma escolha comercial que nasce da vontade de ser um fornecedor global capaz de satisfazer todas as exigências da impressão a 360º e de responder aos inputs recolhidos através do diálogo transparente com os nossos clientes. A exaustividade da gama é o ingrediente que acrescenta sabor a uma receita já muito apreciada e que compreende a unicidade que somos capazes de oferecer, desde a interface intuitiva da nossa e-shop ao pacote anónimo, do atendimento ao cliente desenvolvido ao PixartPRO, o programa de fidelização dedicado aos revendedores. Tudo apimentado por um serviço de impressão dedicado à qualidade excepcional”, comenta Federico Gonzalez – Diretor de Marketing e Vendas da Pixartprinting.


Nova série Huawei P smart: o melhor smartphone do seu segmento

A HUAWEI anunciou o lançamento da nova série P smart, direccionada aos consumidores mais jovens. Ao combinar na perfeição o design com a tecnologia, o novo Huawei P smart tem um ecrã Huawei FullView Display Full-HD de 5,65″ com resolução 18: 9, oferecendo uma visão mais ampla do que nunca; e uma câmara dupla traseira para fotografias com o já famoso efeito Bokeh.

O Huawei P smart é um smartphone compacto e confortável, com as dimensões de um smartphone de 5.2 polegadas. Para além do seu design moderno, o Huawei P smart conta com a funcionalidade de ecrã dividido que permite, num único toque, dividir o ecrã e assim responder facilmente a um SMS sem parar o vídeo que está a ver, efetuar gravações enquanto lê um artigo ou até jogar enquanto vê os emails.

Modo Beleza e Captura por Gestos: câmaras de smartphone que sabem o que quer

Para responder aos hábitos dos utilizadores, e tendo em conta o seu comportamento, o novo Huawei P smart, primeiro da sua serie, vem equipada com uma câmara dupla traseira de 13MP+2MP que capta o mundo do consumidor com uma profundidade incrível e cores deslumbrantes. Este smartphone oferece excelentes características de fotografia, como o efeito Bokeh nas lentes traseiras para dar mais estilo à imagem, o single touch para acionar o modo de retrato, e o Modo Beleza exclusivo da Huawei que torna os retratos mais nítidos dando uma aparência mais natural e radiante.

Desenhado para oferecer uma experiência de fotografia premium e de fácil utilização, a câmara do Huawei P smart oferece também a funcionalidade de captura por gestos, dando aos utilizadores o controlo total e criando infinitas possibilidades de fotografia. Para melhorar a fotografia noturna, o Huawei P smart apresenta cinco grupos de lentes de precisão, permitindo captar fotos mais limpas e mais puras em condições de reduzida luminosidade. Com uma memória de 32GB, expansível para 256GB via microSD, o espaço para fotografias não vai faltar.

 

 

Uma experiência sem igual com o EMUI 8.0

Desenvolvido para uma utilização fluída e sem falhas, o EMUI 8.0 é o sistema operacional mais fácil de utilizar. A combinação entre o EMUI 8.0 e o processador Kirin 659, conferem ao Huawei P smart aprendizagem automática.Este smartphone irá aprender os hábitos de cada um, prevendo com elevado detalhe o comportamento do utilizador e gerindo o CPU com maior precisão, para proporcionar uma melhor experiência.

Disponível a partir do dia 5 de fevereiro nas cores blue, gold e black, e equipado com uma bateria de 3000mAh, o Huawei P smart alia um ecrã FullView a uma câmara dupla traseira por um preço recomendado de venda ao público de 279€.


Ocyan lançou “Ocyanographic Explorer Kit”

Para poder mostrar a todos os seus clientes as inúmeras técnicas inovadoras que tem disponíveis em termos de Offset UV LED, a Ocyan desenvolveu um sistema de amostras que designou como Ocyanographic Explorer Kit Led UV.

Na verdade, este kit inclui uma colecção de 24 amostras recorrendo à utilização de aplicações de vernizes UV, aplicados em linha na máquina de impressão, efeitos especiais drip off com utilização de 2 vernizes UV, impressões a 4 cores + branco localizado em papéis coloridos e em plásticos transparentes, tirando não só partido da tecnologia de impressão em si mesma, mas também dos materiais.

Segundo Pedro Santos e Hugo Fernandes, dois dos responsáveis da Ocyan, este projecto pretende dar a conhecer as muitas possibilidade de impressão da nova máquina offset UV LED aos actuais e potenciais clientes, sobretudo designers, criativos e agências de publicidade que possam tirar partido destas aplicações.

 


 

O Kit vem numa caixa que não deixa ninguém indiferente pelo design, originalidade, ideia, qualidade e acabamento. A Ocyan é um dos mais destacados projectos nacionais na área de impressão, pelo conceito, oferta de serviços e qualidade dos mesmos. A empresa, que está localizada em Carnaxide, no Parque Holanda, trabalha com algumas das mais destacadas marcas nacionais e internacionais e esteve representada no Printalks 2017 através de Pedro Santos, director que integrou o tema dedicado à sustentabilidade, ecologia e rentabilidade do negócio de impressão. A Ocyan oferece aos seus clientes a possibilidade de impressão em materiais eco sustentáveis.




 


Paperworld é o palco mundial do papel!

Terminou mais uma edição da Paperworld 2018 que decorreu em Frankfurt entre 27 e 30 de Janeiro.

Mais uma vez a IG esteve presente e confirmou a vitalidade deste certame que reuniu 1500 expositores de todo o mundo e mostrou o que de mais recente tem sido feito nesta área, atraindo profissionais desde o Médio Oriente, América Latina e obviamente de toda a Europa.

Entre os expositores estiveram empresas de 60 países que ocuparam 8 pavilhões e mostraram uma vasta gama de produtos em papel para a área de material de escritório, papelaria e empresas de impressão e comunicação. Portugal contou, como já vem sendo hábito, com uma embaixada de empresas que continuam a apostar em expor em Frankfurt, pelo facto de conseguirem sempre obter um feedback extremamente positivo em termos e reconhecimento e contactos de negócios.

Em todas edições a organização realiza eventos paralelos, sobretudo em matéria de tendências para os próximos meses, convidando destacados designers e consultores da área, que apontam texturas, cores e materiais que terão maior utilização e registarão a preferência dos consumidores e das grandes marcas.

A IG falou com vários expositores que, de forma unânime afirmaram a importância desta feira para os seus negócios, referindo sobretudo o facto da Paperworld ser um palco fantástico para poderem contactar com os actuais mas também potenciais clientes. Os stands de cada expositor transformam-se em sala de visita e de reuniões onde são mostrados novos produtos e colecções que permitem agendar vendas e abrir novos contactos.

Esta edição de 2018 contou com empresas como Olmar, Clipouro, The Navigator Company, Cartonex, Ancor, Viarco, Altoinfor, Ambar, Bi-Silque, Makenotes Design Lda, Mário Jorge O. Lopes, Lda, Pukaca Lda, Chagrin & Galocha (Papelarias Emílio Braga) e Luis Guarda – artigos decorativos.


A Lecta dá-nos a mão na entrada em 2018

De Rembrandt a Van Gogh, passando por Modigliani ou Cézanne, a Lecta convida-nos a percorrer 2018 pela mão de 12 artistas que na sua obra conseguiram captar toda a subtileza, a força, a sensibilidade, o recato ou o poder de algo tão difícil de desenhar e tão expressivo como é a mão humana.

São 12 detalhes de diferentes estilos e técnicas pictóricas, pertencentes a coleções de museus franceses com as mãos como protagonistas, que nos falam e transmitem sentimentos com a sua particular linguagem. Com a proposta criativa do Calendário 2018 HandsMadeArt a Lecta continua na linha artística iniciada com o calendário ArtFaces de 2017.

As cores, os traços e todos os detalhes das criações dos artistas escolhidos são especialmente realçados na impressão realizada sobre o novo Garda Premium Natural, couché semimate de duas faces com alta brancura e cor natural, um papel da gama de papéis couché de alta qualidade para edição da Lecta.

Para o mercado francês foi feita uma edição limitada em Condat matt Périgord, couché semimate com um elevado volume específico e acabamento mate excecional. Esta versão do calendário em francês está em linha com a atual campanha “Des papiers à l’image de notre culture” (Papéis à imagem da nossa cultura) da gama de papéis com marca Condat da Lecta.

Mais informação em www.lecta.com


Brother apresenta novos equipamentos de tinta compactos

A Brother, especialista em impressão e tecnologia, acaba de apresentar novos equipamentos de tinta compactos, perfeitos para satisfazer as necessidades de impressão no lar, em tamanho A4, apresentam características e opções de ligação para as tarefas quotidianas.

Com um design moderno, os novos modelos (MFC-J890DW | MFC-J895DW) estão disponíveis na cor branca e em preto. Apesar de compactos, possuem quatro funções num único equipamento: impressão, scanner, cópia e fax. O MFC-J890DW e o MFC-J895DW contam com múltiplas opções de ligação para se adaptar cada casa: USB, rede por cabos e WiFi. Deste modo, vários utilizadores podem trabalhar ao mesmo tempo, no mesmo dispositivo.

De facto, graças à ligação mobile, NFC e WiFi Direct, é possível tirar partido dos equipamentos, já que podem ser utilizados a partir de todos os equipamentos de casa: tablet, telemóvel ou computador. Também contam com ligação Cloud, com a qual se pode partilhar informação da maneira mais rápida e simples. Os equipamentos permitem aceder a locais de armazenamento web predeterminados, como Dropbox ou OneDrive, com o fim de fazer o upload da informação e inclusivamente, descarregá-la para imprimir ou guardá-la numa pen USB ou cartão de memória. Pensados para uma utilização simples, ambos contam com um visor tátil a cores de 6,8 cm para navegar rapidamente em todas as funções do equipamento, com entrada para USB, leitor de cartões de memória no painel frontal equipamento. Graças a elas, é possível imprimir e digitalizar facilmente sem precisar de um computador.

Estes equipamentos incluem uma variedade de opções de papel para utilização flexível: bandeja de entrada de 150 folhas, alimentador automático de documentos para facilitar as tarefas de digitalização e uma ranhura de alimentação manual. Esta última, situada na parte posterior dos equipamentos, admite uma gramagem de papel até 300 g/m², ideal para a impressão em papéis especiais como cartões ou envelopes. Os novos MFC-J890DW e o MFC-J895DW contribuem para a poupança graças à impressão frente e verso automática e os tinteiros XL.

Além disso, combinando as duas prestações, permite que o utilizador poupe em cada documento impresso, trazendo eficiência às suas tarefas diárias.

Características principais:

  • Incluem bandeja de 150 folhas e entrada de alimentação manual.
  • Alimentador de documentos para 20 folhas.
  • 12/10ppm a preto e a cor (velocidade comparável laser ISO/IEC 24734).
  • Impressão frente e verso automática.
  • WiFi Direct, NFC, ligação móvel e Cloud.
  • Visor tátil de 6,8 cm (2,7″).
  • Tinteiros standard individuais de duração de 200 páginas para cada cor (LC3211) e tinteiros XL de 400 páginas para cada cor (LC3213). Duração estimada segundo ISO/IEC 24711.

PVP: 170€ com IVA incluido e taxas


Nova AccurioPress 6100/6085 é a nova aposta da Emetrês

Com a produção a atingir 5.455 páginas A4 por hora (velocidades de 85/100 ppm e capacidade de manter essa mesma velocidade até às 400 grs.), o novo equipamento garante maior eficácia no mercado de alto volume de impressão digital.

O tempo de configuração foi reduzido drasticamente para conferir o máximo tempo de atividade. Uma nova Unidade de Gestão de Cor Integrada permite ajustar automaticamente a qualidade de impressão on-line e manter a mesma performance em todas as páginas, com registro preciso, monitorizado e corrigido conforme necessário.

Este novo sistema está apto para uma grande variedade de suportes de papel, desde papel fino a espesso, papel com relevo, envelopes, poliéster, etiquetas folha-a-folha, entre mais.

Uma nova geração projetada para aumentar o tempo de atividade da impressora e imprimir mais em menos tempo, satisfazendo as necessidades de produção de curto prazo e a transição rápida entre projetos.

Consulte o website da Emetrês para mais informações.


Um ano de boas leituras com a BertrandCírculo

O Grupo BertrandCírculo, composto pela Bertrand, Quetzal Editores, Temas e Debates, Círculo de Leitores, Contraponto, Pergaminho, ArtePlural, GestãoPlus e 11×17, apresenta algumas das novidades previstas para 2018.

Na ficção, a Bertrand inicia o ano com o novo livro de João Barrento. «Goethe: O Eterno Amador», é uma biografia pessoal e literária, na qual se dá a conhecer o Goethe íntimo e se analisam as suas principais obras no contexto da sua personalidade e percurso de vida. Também em janeiro são publicados «Código de Conduta», o novo livro de Brad Thor que acompanha a operação mais perigosa da história dos EUA, que está nas mãos de Scot Harvath; «Não é Bem Namorar», de Catherine Bybee, bestseller do New York Times, da Amazon e do Washington Post; e «Escola da Noite», de Lee Child, mais um thriller protagonizado pelo cativante Jack Reacher, interpretado por Tom Cruise em duas adaptações de livros do autor para cinema. Em fevereiro, chegará a Portugal o sucesso internacional de Chloé Esposito, «Louca», um dos livros mais esperados e disputados do ano. Repleto de loucura e humor, cada capítulo incorpora um dos 7 pecados capitais, prometendo uma leitura compulsiva.

Chegarão também «Semente de Bruxa», de Margaret Atwood, incorporado na coleção Bertrand Shakespeare, na qual se conta com adaptações de algumas maiores peças do dramaturgo por escritores de enorme projeção internacional, como Tracy Chevalier, Anne Tyler ou Howard Jacobson, entre outros; e «Solteiros Incorrigíveis», de Danielle Steel, que conta a história de três amigos descomprometidos prestes a descobrir que o amor é a aventura mais imprevisível de todas. Ainda no primeiro semestre de 2018, os leitores encontrarão «Uma Verdade Simples», de Jodi Picoult; «Isto Sim, Foi um Homem», de Jeffrey Archer, «Guerra», de Janne Teller, entre muitos outros. De Stephen King, «Perdido e Achado» e o livro que foi adaptado para cinema recentemente, «It», chegarão a Portugal em 2018. Até ao final do ano, Mary Higgins Clark, Andri Snaer Magnson, Jude Deveraux e Rachel Heng serão algumas das novidades na ficção da Bertrand.

Na área da não-ficção, Rutger Bregman lança «Utopia para Realistas», uma obra extremamente bem recebida pela crítica internacional que faz um convite à reflexão e na qual o autor coloca na ordem do dia tópicos quentes – do rendimento básico incondicional a uma semana de trabalho de 15 horas, de um mundo sem fronteiras a um mundo sem pobreza, à livre circulação de pessoas – baseando-se em factos e conceitos esclarecedores e fundamentados. O autor estará em Lisboa entre 15 e 16 de janeiro para a promoção do seu livro. «A Natureza Cura», de Florence Williams, estará nas livrarias portuguesas em fevereiro. Este livro apresenta resultados e conclusões científicas de forma acessível e dinâmica, permitindo ao leitor acompanhar o trajeto da autora pelos quatro cantos do mundo e compreender como a natureza tem um impacto positivo nos nossos níveis de stresse, bem-estar e na nossa saúde.

Ainda neste mês, «Saudáveis e à Portuguesa», um livro de receitas para famílias, de vários autores, chegará às livrarias para propor as melhores e mais tradicionais receitas portuguesas, tudo dentro de padrões nutricionais equilibrados. «O Fim da Desigualdade», do prémio Nobel da Economia Joseph Stiglitz, chegará a Portugal em março.

Na Quetzal, o ano começa com «Manobras de Guerrilha», de Bruno Vieira Amaral. O autor distinguido com o Prémio Literário Fernando Namora, Prémio PEN Clube de Narrativa, Prémio Time Out para Livro do Ano, Prémio Novos de Literatura e Prémio José Saramago reúne em livro alguns dos seus textos mais memoráveis que, na sua variedade, erudição e humor, bem ilustram a sua mestria literária e o seu extraordinário leque temático.

Também em janeiro, chegará às livrarias o primeiro romance de Jarett Kobek, «Odeio a Internet». Aqui, o autor aborda questões prementes do nosso tempo: por que motivo aplaudimos o enriquecimento à custa dos fracos e dos que não têm poder? Por que razão desbaratamos a nossa propriedade intelectual? Por que é que o ativismo do século xxi não passa de uma série de lições de moral digitadas em dispositivos construídos para escravos? Um romance cínico, cómico, paranoico, justiceiro, feminista, inteligente e cruel. Em fevereiro, serão publicados os livros «Instantâneos», de Claudio Magris, uma pequena comédia humana, um fresco das nossas vidas cuja moldura é o espírito cáustico e irónico de um grande autor do nosso tempo; «Na Memória dos Rouxinóis», de Filipa Martins, um romance extraordinário, feminino (embora sobre homens), em torno de um matemático que defendia o esquecimento mas que encomendou a sua biografia antes de morrer; e a nova tradução, anotada e comentada da «Odisseia» de Homero, por Frederico Lourenço.

No primeiro semestre, estarão disponíveis «Cartas e Recordações», de Saul Bellow; «Pátria Apátrida», de W.G. Sebald; «Outras Pessoas», de Martin Amis; «O Bairro dos Jornais», um retrato histórico do Bairro Alto e dos jornais que lá assentavam as suas redações, de Paulo Martins, e «Teoria Geral do Esquecimento», de José Eduardo Agualusa (que publicará um inédito em Abril), entre outros. Até ao final do ano, serão publicadas obras de Jennifer Egan, Yasmina Reza, Elif Shafak, Camille Paglia, Reza Aslam, Yrsa Sigurdardóttir, Rachel Cusk, V.S. Naipaul e Sérgio Godinho, entre muitos outros.

A Temas e Debates entra em 2018 com Jean Gabriel-Ganascia, um dos maiores especialistas mundiais em inteligência artificial, que nos traz «O Mito da Singularidade». Este livro responde a inquietações sobre a temática, desmontando as posições de vários cientistas. Devemos temer a inteligência artificial? Irá a inteligência artificial prevalecer sobre a humana? Ainda em janeiro, «Luísa de Gusmão – A Rainha Restauradora» traz-nos a biografia de uma das mais importantes rainhas de Portugal, que muito contribuiu para a história do país. A autora, Monique Vallance, é investigadora da Universidade da Califórnia e lusodescendente. Daniel Goleman, o pai da inteligência emocional e autor do best-seller internacional «Inteligência Emocional», que virá a Portugal este ano – será o orador principal do QSP Summit 2018 – vai ter um novo livro, juntamente com Richard Davidson, a sair em fevereiro: «Traços Alterados». Neste livro, os autores mostram o que a meditação pode fazer por nós e como podemos aproveitar ao máximo os benefícios da sua prática. «A Arte da Boa Vida», de Rolf Dobelli, autor do best-seller internacional «A Arte de Pensar com Clareza», que seduziu milhões de leitores em todo o mundo, mostra-nos, desta vez, 52 surpreendentes caminhos para a felicidade. Como devemos viver? O que faz uma vida boa? Que papel desempenha o destino? Será melhor aspirar à felicidade ou esquivar-se à infelicidade? Neste livro encontrará estas e outras respostas.

Ainda em fevereiro, poderá ficar a conhecer sete formas de pensar como um economista do século XXI com «Economia Donut», de Kate Raworth. A autora identifica os sete aspetos críticos do sistema económico reinante que conduziram ao descontrolo atual, e define linhas orientadoras que poderão trazer a humanidade para uma zona de paz, onde as necessidades gerais ficarão satisfeitas com os meios disponíveis no planeta.

Nos restantes meses do ano, a Temas e Debates trará outras novidades como «A Vida Secreta da Mente», de Mariano Sigman; «O Horror da Guerra», de Niall Ferguson; «À Lei da Bala», de António Luís Marinho e Mário Carneiro; o segundo volume de «A História dos Judeus», de Simon Schama; «Os Direitos Humanos depois de Hitler», de Dan Plesch; «O Xógum», novo romance de João Paulo Oliveira e Costa; «A Guerra Fria – Uma História do Mundo», de Odd Arne Westad; «Iludidos pelo Acaso», de Nicholas Nassim Taleb; «Lamentável Mundo Novo», de Stephen D. King; «A Religião dos Portugueses», de Frei Bento Domingues; «História Humana», uma nova visão de Emmanuel Todd; «Sou Dinamite», de Sue Prideaux; e «Biografia do General Loureiro dos Santos», de Luísa Meireles. O Círculo de Leitores publicará novos romances exclusivos das suas famosas autoras: Tami Hoag, Lisa Gardner, Kristin Hannah e Danielle Steel. Terá ainda vários projetos de grande relevância cultural dos quais se destaca Arte e Ciência do reconhecido historiador Paulo Pereira.

A Gestão Plus apresenta nestes primeiros meses do ano o livro «Liderança para Mulheres», de Cornelia Topf, um guia para mulheres que examina as principais características da liderança oferecendo soluções para se tornarem mais eficazes, inspiradoras e melhores líderes. A 11X17, a chancela de livros de bolso do Grupo BertrandCírculo, prevê para o primeiro trimestre a publicação de «Os Trinta – Nada é como Sonhámos», de Filipa Fonseca Silva; «A História de Lisey», de Stephen King; «Mistérios do Sul», de Danielle Steel; «D. Afonso Henriques», de Diogo Freitas do Amaral; «Uma Questão Pessoal», de Lee Child; e «Escritos Secretos», de Sebastian Barry.


Canon lança nova gama de impressoras PIXMA G Series

A Canon Europa, líder mundial em soluções de imagem, anuncia o lançamento da nova gama de impressoras com depósitos de tinta recarregáveis, os modelos sucessores da já existente gama PIXMA G. As novas impressoras PIXMA G Series são compactas, de alta produtividade e de fácil utilização e foram desenvolvidas para quem necessita de um volume elevado de impressão, baixo custo por página e impressoras produtivas para casa e para pequenos escritórios.

A nova coleção PIXMA G Series, inclui:

  • A PIXMA G1510, uma impressora desenvolvida para impressões de grande volume, com baixo custo por página;
  • A PIXMA G2510, uma impressora multifuncional de elevada produtividade e vantagens adicionais de cópia e digitalização;
  • A PIXMA G3510, uma impressora multifuncional 3-em-1 de elevado desempenho, com ligação Wi-Fi que suporta impressão, cópia e digitalização a partir de smartphone e tablet, através da app Canon PRINT;
  • A PIXMA G4510, uma impressora compacta 4-em-1, com alimentador automático de documentos (ADF) de 20 folhas, ligação sem fios a dispositivos inteligentes com elevada produção de páginas que resulta num custo reduzido por página.

 

Aumento de produtividade

Desenvolvida a pensar na utilização doméstica, escritórios em casa e pequenos escritórios, a gama PIXMA G Series foi concebida para aumentar a produtividade. Além de proporcionar custos operacionais reduzidos e oferecer maior capacidade de impressão, os novos modelos oferecem conveniência e eficiência adaptável a todos os requisitos do utilizador.

Principais Características

A meta desta gama é a elevada capacidade de páginas, permitindo aos utilizadores imprimir até 6.000 páginas a preto ou 7.000 páginas a partir de um conjunto de tintas de cor1, o que significa que pode imprimir durante mais tempo sem necessitar de mudar os tinteiros, assegurando assim um baixo custo por página
Função Auto Power ON/OFF2 que ajuda a reduzir os custos de energia enquanto o equipamento não é utilizado
Impressões de elevada qualidade que utilizam tinta preta à base de pigmento para textos nítidos e tintas de cor à base de corantes para imagens vibrantes. Todos os modelos desta série podem produzir fotografias sem margens até A4

Design e Tecnologia

A nova gama de impressoras PIXMA G Serie foi desenvolvida com foco na produtividade e no design, com depósitos de tinta na parte frontal, que facilitam a identificação dos níveis de tinta, tinteiros bem concebidos que minimizam potenciais fugas e processos de instalação rápidos, devido à tecnologia incorporada na impressora.

Fáceis de instalar e de utilizar, os modelos da PIXMA G Series asseguram melhores impressões em papel normal para empresas com grandes exigências de impressão. A PIXMA G251O e a PIXMA G3510 apresentam também um novo ecrã LCD de 1.2” monocromático enquanto que a PIXMA G4510 mantém o LCD monocromático de duas linhas. Estes ecrãs tornam mais fácil realizar tarefas, verificar a ligação Wi-Fi e resolver possíveis problemas, deixando mais tempo livre para o que interessa.

Com o sistema de cabeça de impressão FINE, as novas impressoras são resistentes e produzem grande volume de impressão, o que significa que pode confiar na gama PIXMA G quando imprime documentos essenciais uma importante reunião. A tecnologia de tubo de tinta à prova de ar para impressões uniformes, assegura que cada impressão tem tanta qualidade como a anterior.

Conectividade

A PIXMA G4510 e a PIXMA G3510 incluem tecnologia Wi-Fi, oferecendo aos utilizadores impressão sem fios através do computador ou de um dispositivo inteligente. Através da app3 Canon PRINT pode imprimir, digitalizar e copiar, bem como fazer a manutenção da impressora. Pode também aceder à PIXMA Cloud Link através da app Canon PRINT para imprimir fotografias ou documentos remotamente desde serviços cloud como o Facebook, o GoogleDrive, a Dropbox, o Instagram e outros. Ambos os modelos são compatíveis com Mopria em Android, para que possa imprimir sem necessitar de transferir outras aplicações. A PIXMA G4510 é compatível com a Apple AirPrint para impressão a partir de dispositivos iOS compatíveis.

A PIXMA G4510 e a PIXMA G3510 possibilitam aos utilizadores utilizar simultaneamente a ligação através do método convencional do seu router de Wi-Fi através do Wireless Direct ou do Access Point Mode4 sem necessitar do router, tornando mais simples a ligação da impressora a um dispositivo inteligente.

Impressão de fotografias

Agora é possível imprimir fotografias 4×6” sem margens em apenas 60 segundos e escolher um conjunto de templates do My Image Garden. Utilize o software para tornar as suas fotos criativas e imprima vários trabalhos originais utilizando as suas próprias imagens.

O sistema traseiro de alimentação de papel com capacidade de até 100 páginas de papel normal, permite a passagem uniforme de uma vasta gama de tipos de papel, incluindo papel de fotografia brilhante Square Media (5×5”).

Seja criativo

Aproveite o conjunto de plataformas criativas para criar mais com a sua impressora:

O programa PosterArtist Lite5 permite aos utilizadores criar e imprimir cartazes e folhetos apelativos para todos os fins comerciais.
Com aplicação Canon Message In Print6 envie mensagens invisíveis aos seus amigos e família quando imprime fotografias com a PIXMA G3510 e a PIXMA G4510. Adicione animações, URLs ou textos nas fotografias para o destinatário descodificar ao utilizar a app Message In Print.
Organize as fotografias, crie colagens ou ofereça calendários e cartas personalizados às pessoas mais chegadas, com a plataforma online My Image Garden– compatível com todas as impressoras da Série PIXMA G, com aplicações como layout de impressão fotográfica e Full HD Movie Print.
Imprima arts & crafts (artes & ofícios) através da plataforma online Creative Park da Canon, que permite aos utilizadores imprimir vários trabalhos manuais a partir de modelos 3D, cartões comemorativos, molduras e muito mais.

Fotocópia prática

Faça cópias de grandes quantidades de documentos com o simples toque de um botão. Tire uma fotografia de qualquer documento através da função Smartphone Capture and Copy na app da Canon PRINT e converta em PDF para guardar, partilhar ou imprimir. Ideal para trabalho à distância. Faça cópias frente e verso de cartões de identificação com a PIXMA G4510 para viagens ao estrangeiro ou controlo pessoal. As características de fácil utilização permitem que digitalize ambas as faces numa só página.

Design conveniente

Criada para utilização doméstica e em ambiente empresarial, a gama de impressoras compacta PIXMA G Series foi pensada para poupar espaço enquanto otimiza a qualidade e a quantidade de impressão. Os depósitos de tinta frontais facilitam o controlo dos níveis de tinta, para que esteja sempre preparado para as necessidades da impressão.

Copie7 apenas com o toque de um botão, com a PIXMA G2510 ou a PIXMA G3510 com ecrã LCD de 1.2” incorporado. Com a PIXMA G4510 os utilizadores podem beneficiar ainda de um ecrã LCD de duas linhas para assistir na configuração inicial, sobre o estado da rede Wi-Fi e resolver potenciais problemas.

A nova gama PIXMA G Series oferece às pequenas empresas e escritórios de casa soluções de impressão económicas, aumentando a produtividade e tornando o trabalho mais flexível. As novas impressoras garantem impressões duradouras, quer se trate de fotografias coloridas ou documentos, com um acabamento com aspeto profissional.


A Bain Capital adquire a Fedrigoni

A Bain Capital Private Equity, uma empresa global líder em investimento privado, assinou um acordo definitivo para adquirir o Grupo Fedrigoni, líder global na produção de papéis especiais e etiquetas autoadesivas. A família Fedrigoni manterá uma participação minoritária nos negócios.

Fundada em 1888 e com sede em Verona, Itália, a Fedrigoni é internacionalmente reconhecida pela sua gama de produtos de alta qualidade e atendimento ao cliente. Possui instalações fabris em Itália, Espanha e Brasil e uma rede de distribuição global, com mais de 2.700 funcionários. Vende directamente aos seus clientes multinacionais, incluindo o segmento da moda e produtores de vinhos, através de sua própria rede de distribuição. Os seus produtos incluem papéis especiais para embalagens de luxo e rótulos para indústrias de alimentos e bebidas e farmácias.

“A Fedrigoni é um negócio emocionante com marcas fortes e uma oferta diferenciada em produtos especiais”, referiu Ivano Sessa, director administrativo da Bain Capital Private Equity. “Nós acreditamos que a Fedrigoni tem o potencial de crescer significativamente, tanto de forma orgânica como através de aquisições, e estamos ansiosos para esta parceria com a equipa de gestão para acelerar isso como fizemos noutros negócios industriais globais”, acrescenta. Também Alessandro Fedrigoni, presidente da Fedrigoni, reforçou o contributo da Bain Capital como investidor ideal para impulsionar a Fedrigoni para a próxima fase de desenvolvimento global, dado o seu profundo conhecimento industrial, habilidades operacionais e o seu conjunto mundial de recursos. “Em 130 anos de história, a família Fedrigoni apoiou plenamente o crescimento e o desenvolvimento dos seus negócios homónimos, alcançando um posicionamento de liderança em papéis e rótulos de especialidades europeias. Capitalizando também as recentes aquisições estrangeiras nos EUA e no Brasil, hoje a Fedrigoni é um player internacional que requer recursos adicionais para apoiar suas ambições globais”.

A transação estará sujeita a aprovação pelas autoridades reguladoras competentes.


Impressoras de tinta eco-solvente Epson SureColor S distinguidas pela Keypoint Intelligence

Keypoint Intelligence (anteriormente conhecida como Buyers Lab), líder mundial em avaliação independente de software de processamento de imagens de documentos, hardwaree serviços, distinguiu a Epson pela inovação e pela precisão cromática evidenciada pela sua gama de impressoras de sinalética baseadas em tinta eco-solvente, as SureColor S.

Os três modelos atuais desta gama – SC-S40600, SC-S60600 e SC-S80600 – foram distinguidos pelos prémios BLI Pick Awards na SGIA Expo 2017:

  • Epson SureColor S40600: Fantástico dispositivo eco-solvente/látex CMYK 54″/64″ de entrada de gama.
  • Epson SureColor S60600: Fantástico dispositivo eco-solvente/látex CMYK 54″/64″ de elevada produção.
  • Epson SureColor S80600: Fantástico dispositivo eco-solvente/látex 54″/64″ de expansão de gama.

A Keypoint Intelligence trabalhou em estreita colaboração com a Epson durante todo o processo de teste e as três impressoras de tinta eco-solvente da gama Epson SureColor S apresentaram as mais baixas medições de Delta E entre todos os equipamentos testados”, afirma David Sweetnam, Diretor do departamento de investigação e serviços laboratoriais da região EMEA/Ásia da Keypoint Intelligence. “Estes prémios conferem um reconhecimento especial aos fabricantes e aos produtos com um desempenho superior ao dos seus pares nos nossos exaustivos testes laboratoriais, e os três modelos da gama SureColor S tiveram um desempenho excelente – com uma precisão que qualquer gráfica apreciaria, tendo em conta a importância da cor para estes profissionais”, concluiu.


Diva Art, a nova cartolina gráfica da Lecta para potenciar o talento criativo

Diva Art é uma nova cartolina gráfica couché de uma face com acabamento semimate excepcional, que se destaca pela sua excelente capacidade de impressão e a sua brilhante reprodução da cor em impressões offset e digital. Para além disso, apresenta uma perfeita aptidão para dobragem e bom comportamento em vincagem.

A nova cartolina Diva Art oferece também bons resultados na manipulação e acabamentos, sendo adequada para um vasto leque de aplicações como capas de livros, pastas, etiquetas, postais e cartões de felicitações, embalagens de cosméticos, perfumes, bebidas premium ou chocolates e doces. A gama Diva Art está disponível em gramagens de 220, 250, 280, 300, 330 e 350 g/m2 .
Para o lançamento deste novo produto e a apresentação da versatilidade das suas seis gramagens, a Lecta colaborou com seis artistas internacionais muito ativas no setor da moda e da cosmética que desenvolveram a sua criatividade através desta cartolina gráfica: Eli M. Rufat, Dagna Majewska, Naja Conrad-Hamsen, Marina Esmeraldo, Pascal Pratte e Sofía Bonati.

Com o slogan Reveal your inner talent with Diva Art (Revele o seu talento com Diva Art), estas artistas criaram obras de arte impressas sobre Diva Art que representam com originalidade e elegância seis divas diferentes com criações e inesperados acabamentos como tintas fluorescentes, flocage a preto, relevo a seco ou estampagem em dourados e metalizados que realçam e desvendam os detalhes mais escondidos.

Uma porta aberta a um mundo criativo infinito através de Diva Art.

Mais informação sobre a nova cartolina gráfica Diva Art e as criações das artistas que colaboraram neste projeto na secção de produtos em www.lecta.com.

 


Promoção da Navigator dá direito ao novíssimo iPhone X

A marca Navigator lança agora aquela que considera ser a melhor campanha promocional da sua história com o prémio mais apelativo de todos: o iPhone X.

A marca de papel de escritório premium mais vendida do mundo leva a campanha a todos os países onde os produtos Navigator são vendidos, campanha essa que vai decorrer de 1 de Janeiro a 30 de Junho de 2018. Para ganhar este fantástico prémio, os consumidores só têm de comprar uma resma de papel Navigator e usar o código impresso na parte de trás no website www.navigator-paper.com. Este passo vai permitir que os participantes saibam imediatamente se estão entre os 200 felizes vencedores. “Durante o desenvolvimento da campanha, a ideia principal foi reforçar a perceção que os consumidores têm do Navigator como sendo uma marca em constante evolução e inovação. Estas características únicas desempenham um papel importante no sucesso do Navigator e ajudam a transformá-lo na marca premium mais reconhecida do seu segmento. É por esse motivo que escolhemos o iPhone X como prémio: é o smartphone mais evoluído do mercado.” afirmou Ricardo Ferreira, gestor de marca global do Navigator.

Esta campanha vai ser lançada em simultâneo em todos os mercados onde a marca é vendida. Ou seja, nos cinco continentes. Este evento vai aumentar a perceção global da marca e, mais importante, vai recompensar todos os consumidores de papel Navigator pela sua lealdade. O Navigator está acostumado a surpreender os seus clientes com ótimos prémios. Na verdade, a marca tem-lo feito desde 2004, sempre com elevados níveis de participação por parte dos consumidores. A campanha do ano passado contou com 333 Apple Watch e atraiu mais de 600 000 participações oriundas de mais de 175 000 jogadores em mais de 110 países.

De forma a aproximar esta campanha exclusiva dos seus clientes, o Navigator vai ter uma resma promocional especial e também vai aumentar a comunicação através das páginas da marca nas redes sociais. O Navigator planeia ativar as suas bases de dados de consumidor final através de e-mail marketing, publicidade online e offline, e relações públicas, juntamente com um website e um vídeo específicos da promoção

 


Epson apresenta impressora fotográfica A3+ mais compacta de sempre

Um equipamento de impressão sofisticado já não tem de ocupar muito espaço. Apresentando um tamanho surpreendentemente reduzido, a nova impressora fotográfica sem fios Epson XP-15000 permite imprimir fotografias A3+ de qualidade superior e com cores realistas e vívidas. Com linhas sóbrias e estilizadas, este equipamento apresenta um design elegante a partir de qualquer ângulo.

Os adeptos de fotografia e os semiprofissionais vão certamente apreciar a qualidade melhorada da XP-15000. oferecida pelo novo conjunto de tintas Claria Photo HD. A nova tinta cinzenta permite produzir fotografias a preto e branco de qualidade superior, com gradações mais suaves entre as sombras e os pontos de luz. Já com a nova tinta vermelha, é possível alcançar uma gama de cores ainda mais alargada, o que resulta em impressões com cores mais realistas e vibrantes. Com este equipamento, as impressões tornam-se também mais duradouras, uma vez que a tinta de alta qualidade pode durar até 300 anos num álbum fotográfico.

Epson XP-15000 facilita a realização de várias tarefas criativas em casa, incluindo a impressão até A3+ numa grande variedade de suportes, como papéis mais espessos, cartão, CDs e DVDs. Conta com inúmeras funcionalidades que facilitam a utilização, como um ecrã LCD de 6,1cm para facilitar a navegação, um tabuleiro de saída motorizado e uma função de ligar automático, para maior comodidade. Adicionalmente, permite imprimir facilmente documentos do dia-a-dia, com elevadas velocidades de impressão e impressão frente e verso A4 automática.

Este modelo oferece ainda Wi-Fi, Wi-Fi Direct e um conjunto de opções móveis, garantindo aos utilizadores comodidade e liberdade para imprimirem como, onde e quando quiserem.

A nova Epson XP-15000 estará disponível em Portugal a partir de janeiro de 2018.


Roland DG anuncia nova geração de cortadoras de vinil profissionais

A Roland DG Corporation, líder mundial no fabrico de impressoras de jato de tinta de grande formato, impressoras/cortadoras e cortadoras de vinil, anunciou o lançamento das cortadoras de vinil profissionais GR-640/540/420, as mais recentes adições à sua série CAMM-1.

De acordo com Yohei Shinomura, o diretor de produção do setor de impressão digital da Roland DG, a série GR foi completamente redesenhada do zero para proporcionar a melhor qualidade de corte e produtividade da sua classe devido à melhoria de precisão, velocidade, versatilidade de suporte e funcionalidades de corte de vanguarda adicionais. O novo desenho ergonómico em forma de L do suporte e máquina integrados proporcionam a estabilidade necessária para garantir um corte de precisão mesmo a alta velocidade. O carro de corte redesenhado, o suporte da lâmina e outros mecanismos nucleares permitem às máquinas alcançar uma velocidade de corte máxima de 1485 mm/s e até 600 g de força descendente para cortar suportes difíceis numa única passagem. Os modelos estão disponíveis em amplitudes de corte de 1651 mm, 1397 mm e 1075 mm para permitir aos utilizadores emparelhá-las com as impressoras de jato de tinta que utilizam atualmente.

Shinomura afirmou: “A indústria de corte tornou-se cada vez mais diversa. Além de se fazer sinais, o corte agora inclui a produção de artes gráficas para montras e veículos, películas coloridas para montras e películas de proteção para carros para um novo visual automóvel, vestuário personalizado, etiquetas e decalques, protótipos de embalagens, stencils de jato de areia/tinta etc. A amplitude de aplicações exige a capacidade de lidar com uma ampla gama de materiais de várias espessuras, tais como películas para montras, materiais refletores de alta intensidade, materiais de decalque térmico, incluindo flocagem e brilho, cartão, e proteções para jato de areia.”

Para responder às diversas aplicações e materiais exigidos atualmente pela indústria de corte, a série GR está equipada com cilindros de pressão eletrónicos que permitem ajustar a pressão para 10 níveis predefinidos com o toque de um botão para uma alimentação suave de qualquer espessura de suporte. A função de corte sobreposto permite um corte sobreposto até dez vezes para substratos de corte difícil. A função intuitiva de sobrecorte emula os resultados de uma cortadora tangencial e proporciona cantos afiados e limpos em suportes complicados.

Uma série de inovações tornam a série GR extremamente fácil de utilizar. As cortadoras são capazes de ler marcas de recorte em dados pré-impressos para o alinhamento preciso das artes gráficas. O Roland CutStudio incluído possui uma função de corte perfurado que é muito prática para produzir autocolantes e decalques com efeito de cortante, e uma função de corte por cor que é útil para produzir desenhos com várias folhas coloridas. Uma nova função cria automaticamente linhas de limpeza para uma limpeza mais eficiente após o corte dos desenhos. O Roland CutStudio inclui software plug-in que permite produzir trabalhos do Adobe® Illustrator® e CorelDRAW®. Um cesto de suportes é disponibilizado para recolher as folhas cortadas.

“Desde 1988”, afirmou Shinomura, “a Roland DG vendeu mais de 440 000 cortadoras de vinil. A série GR tem sido desenvolvida com o objetivo de proporcionar qualidade de corte e produtividade líderes na sua classe, com base em todos os avanços tecnológicos que a nossa empresa estabeleceu anteriormente, acrescentado também características inovadoras. Tenho a certeza de que a série GR irá impulsionar a qualidade e eficiência do trabalho dos clientes, facultando uma ampla capacidade para expandir as suas oportunidades de negócio. A Roland DG irá continuar a aprimorar a sua experiência com as aplicações de corte e a proporcionar aos clientes produtos que adicionem valor sem paralelo a uma ampla gama de indústrias.”

 


OKI ANUNCIA PRÉ-LANÇAMENTO DA NOVA COLORPAINTER E-64S

A OKI Europe Ltd anuncia o pré-lançamento da nova solução E-64s ColorPainter, que se realiza em cinco grandes eventos de impressão a decorrerem neste outono, em preparação para o lançamento oficial desta nova impressora de grande formato, em dezembro de 2016.

A ColorPainter E-64s é a mais recente adição da OKI à reconhecida gama ColorPainter, responsável pela implementação de novos padrões de elevada qualidade na impressão de grande formato, com a disponibilização de soluções como a M-64s e H3-104s. Tal como estas soluções, a E-64s oferece desempenho premium, elevado nível de precisão e facilidade de utilização, bem como funcionalidades de entrada de gama, simples de utilizar e ecológicas.

Utilizando a tinta ECO solvente SX da OKI, de elevada pigmentação, o novo equipamento suporta um ótimo nível de cor em todas as velocidades de impressão, tanto em aplicações interiores como exteriores. A extensa compatibilidade com uma vasta gama de suportes de impressão faz da E-64s a melhor escolha para uma impressão ágil e de elevada qualidade, ideal para todos os utilizadores de impressoras de grande formato. A nova ColorPainter E-64s alcança resultados impressionantes, seja na impressão de back-/front-lit, têxteis técnicos, wallpapers, telas, PVC rígido, banners, vinis ou outros tipos de suportes.

Um conjunto de tecnologias comprovadas associadas à série M, incluindo a Smart Pass 4, Smart Nozzle Mapping 3 e Dynamic Dot Printing, assim como tecnologias das séries H3, como o Safe Scanning System, integram esta nova solução da OKI para assegurar resultados de impressão ótimos. No caso da impressão para interiores, em que é recorrente a utilização de materiais eletroestáticos, um ionizador opcional contribui para resultados de impressão impressionantes. Adicionalmente, a sua construção e funcionalidades preparadas para uma utilização simplificada, asseguram uma gestão e utilização fáceis e convenientes da impressora, desde as fases de preparação e operação, até à manutenção.


PORTÁTEIS: A APOSTA TECNOLÓGICA DOS PORTUGUESES

Pesquisas por portáteis crescem no KuantoKusta, site de comparação de preços. Design e preço são as características mais procuradas.

Só no último mês, o KuantoKusta, o comparador de preços líder em Portugal, registou um aumento de 51% nas pesquisas por computadores portáteis. Seja para trabalhar, estudar, lazer ou simplesmente para jogar, há características comuns identificadas nestas pesquisas. Em média, o valor gasto pelos portugueses num computador portátil ronda os 800€ sendo a componente do design um fator de peso nas suas decisões. Normalmente os consumidores optam por equipamentos com processadores de topo, nomeadamente i5 e i7. Relativamente ao tamanho dos ecrãs, a preferência são os intermédios, variando entre as 13 e as 15 polegadas.

A Asus continua a ser a marca favorita dos portugueses, representando 65% do total de pesquisas em portáteis. A ocupar o top 3 das pesquisas, a marca destaca-se com o modelo Zenbook Flip UX360UA, o mais pesquisado no site. Este é um portátil que se destaca pelo design elegante e sofisticado, com um ecrã rotativo em 360°. Custa cerca de 1200€, sendo o mais caro da marca. Em segundo lugar, está o modelo K556UQ, com um processador i7, 1TB de capacidade de disco, 12GB de memória RAM, e um ecrã de 15 polegadas. Tem o preço mais baixo dos 3 modelos, rondando os 700€. Em terceiro lugar do ranking das pesquisas KuantoKusta está o modelo Zenbook Flip UX360UA, com um processador i5, que pode ser adquirido pelo preço médio de 900€.

Outra marca que tem despertado a atenção dos portugueses é a chinesa Lenovo. O modelo B50-80, cujo preço ronda os 600€, tem um processador i7, 8GB de memória RAM e oferece 1TB de capacidade de disco. Já a terceira marca mais procurada é a americana HP, com o modelo 250 G5, um portátil com um ecrã de 15 polegadas, processador i5, memória RAM de 4GB e 500GB de capacidade de disco. Pode ser adquirido cerca de 400 €.


FICHA TÉCNICA
Diretora: Ana Paula Cecília
Redacção: Ana Paula Cecília
Design e paginação: Design Glow

Fotografia: Sara Butler, iStockphoto e António Camilo
Video: Sara Butler
Marketing e Publicidade: Pedro Silva

Colaboradores: Augusto Monteiro, Daniel Furet, João Felgueiras, Sebastião Camões

Propriedade: Ana Paula Cordeiro Cecília e Carla Cecília

Newsletter

SOCIAL MEDIA
9
POLÍTICA DE PRIVACIDADE

1. Todo o conteúdo deste site, inclusive textos, gráficos, logótipos, ícones e imagens, é propriedade exclusiva da Intergráficas e está protegido pelas leis nacionais e internacionais de copyright, bem como a compilação, edição e montagem, de todo ou em parte do conteúdo deste site.

2. O website da Intergráficas é de livre acesso a qualquer utilizador. Tem como objectivo, promover e informar os utilizadores dos produtos e serviços da Intergráficas.

3. A Intergráficas não se responsabiliza por eventuais interrupções na consulta do website. É proibida qualquer ligação (link) do domínio www.Intergraficas.pt, ou noutro qualquer website, sem uma permissão por escrito da Intergráficas.